terça-feira, 29 de junho de 2010

Caminhada Ecológica Parque Municipal das Mangabeiras


Quantas vezes já nos pegamos pensando “Que saco, não tem nada para fazer”, pois bem neste post quero lhe trazer algo bastante interessante, trata-se de uma caminhada que participei ontem, uma caminhada ecológica, isso mesmo, uma caminhada ecológica. Mas do que se trata isso? Fica uma pessoa falando para não jogar lixo no chão e etc.? É algo que vai falar do que estamos cansados de saber? É aquilo que ouvimos todos os dias? Amigos, definitivamente não!

Em uma caminhada ecológica ficamos sabendo de dados importantes sobre a historia de um povo, cidade, estado e até do país, além de abrirmos as nossas mentes para a beleza natural das matas.
Em um programa assim, você se esquece dos problemas e se deslumbra com paisagens maravilhosas e com informações que jamais obteremos ficando em casa, lendo em livros ou até mesmo vendo em filmes.
Bem o que quero trazer para você é minha experiência que pode ser vivida por você em qualquer lugar do país, pois o Brasil é muito rico em paisagens divinas, além de poder fazer muitas amizades. Procure um parque ecológico mais próximo de você, olha o site que descobri que nos mostra tudo  www.google.com  rsss !


A minha experiência na caminha ecológica começa de uma forma bastante agradável, onde pontualmente o ônibus da SMMA estava nos esperando para nos levar até o Parque Municipal das Mangabeiras, um lugar maravilhoso que foi fundado em 1982 localizado no pé da Serra do Curral, com o projeto paisagístico de Roberto Burle Marx o parque possui cerca de 2,4 milhões de metros quadrados de área verde preservado e vários espaços para lazer, descanso e pratica de esportes o parque recebe cerca de 30 mil vistas por mês, ele possui sua área de 2.452.000 m2; altitude 1.000 a 1.300 m (ponto culminante: Pico Belo Horizonte – 1.389m; 21 nascentes do Córrego da Serra; sua geologia é formada pelo Itabirito, dolomito, quartzito e filito; a formação vegetal consiste em Campos Rupestres e de Altitude nas partes mais altas da Serra seguido de Campo-Cerrado, Cerrado e Mata de Galeria nos fundos dos vales. As coordenas da entrada do parque ficam com 19°57'17.84"S  de Latitude e 43°54'27.19"O  em Longitude. Além da diversidade de fauna e flora típica da região que podemos ter o privilégio de ver de perto.
 
 A caminhada começa com uma proposta de percurso de 2 km, 3,5km, 6 km e até 11 km, optamos por fazer 3,5 km que levaria cerca de 2 a 3 horas. O percurso consistiria nos seguintes pontos: Praça das Águas, Viveiros de Plantas Nativas, Mirante da Mata, Cascatinha e CEAM. No percurso o Eduardo que nos acompanhou todo o percurso e diga se de passagem, demonstrou conhecimento sobre dados importante do parque, nos mostrou a diferença entre os 03 tipos de matas do parque, e fica claro quando observamos a Mata de Cerrado em contraste com a Mata Atlântica (secundária), e mais acima vimos os Campos de Altitudes, dos 2.350.000, 900.000 e de Mata Atlântica. No Viveiro temos a produção das plantas predominantes no parque que são as plantas Ornamentais e as Nativas. O parque antes era um local usado pela mineradora Ferrobel, assim os caminhos que temos no parque não foram abertos pelo parque, mas já existiam. Vimos árvores como a Ebaú, Jequitibá, Candeia dentre outras.

Deixo assim a minha dica para você que fica ai pensando em um programa legal para fazer com a família ou até mesmo sozinho.
Comece a contemplar as maravilhas naturais de sua região, porque com toda certeza, você se sentira cada vez mais motivado a proteger o que é seu.

Agradeço a Sueli Santos, que tirou todas as fotos nessa caminhada, a equipe da SMMA,   todos do Parque das Mangabeiras e aos presentes no evento que fizeram o meu dia mais feliz!

Observação: Todas as fotos estarão disponível para download no dia 30/06/2010, basta clicar em uma das fotos acima.

Jackson Duarte

3 comentários:

Sophi Mirelle disse...

ah q bacana fiz algo parecido neste fds

Consciência disse...

COM CERTEZA! Morando no Brasil, o país mais belo e com tantas coisas lindas da natureza, como é que pode alguém dizer que não tem o que fazer??? Tá certo, irmão. Apoio totalmente!

Valeu
Abraço!

Consciência disse...
Este comentário foi removido pelo autor.